Boa noite!           Sexta 23/08/2019   01:37
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Notícias > CPTrans propõe Caminhos Alternativos para quem quer evitar Área da Bauernfest
CPTrans propõe Caminhos Alternativos para quem quer evitar Área da Bauernfest



<

Objetivo é que moradores da cidade que não tenham a festa como destino utilizem outros trechos


06/06/2019 - 17:16 - Com previsão de mais de 350 mil visitantes entre os dias 14 e 30 de junho, período da Bauernfest, a CPTrans está orientando aos moradores da cidade que não quiserem acessar o entorno da festa a utilizar caminhos alternativos. As interdições para a montagem do evento já começaram e a Alfreda Pachá está fechada desta terça-feira (04.06) para a montagem do evento. A previsão, no entanto, é que haja, ainda, outras interdições, desta vez em áreas residenciais evitando a parada de veículos em portas de garagem, que atrapalham a rotina de moradores, por exemplo.


A CPTrans também disponibiliza um mapa com essas rotas alternativas: caminhos que ligam Itaipava ao Bingen, Bingen ao Quitandinha, Itamarati ao Quitandinha e acesso ao Valparaíso pelo por exemplo, constam nessa arte. Há, ainda, a opção de passagem pela Vila Militar, que terá as ruas Duque de Caxias e 29 de Junho abertas até a meia-noite para a passagem de veículos.


“São opções de trajetos que os petropolitanos, geralmente, já conhecem e que podem ser usados nessa época de cidade cheia. São esperados, só de veículos de turismos, mais de 880 – que foi o número registrado na última edição da Bauernfest. Então, apesar de haver um planejamento, o número de pessoas vindo à nossa cidade, aliado a frota existente que já é grande, é possível encontramos retenções principalmente após o início do evento. Por isso estamos sugerindo os caminhos alternativos”, explica o diretor-presidente da CPTrans, Jairo Cunha.


Para acessar a área do Bingen, por exemplo, saindo de Itaipava, a indicação é seguir pela União e Indústria até a Avenida Barão do Rio Branco, utilizar a Rua Professor Stroele (Quarteirão Brasileiro) até a Rua Mosela, de onde pode seguir ao Campo do Serrano para o Quarteirão Ingelheim e acessar a Rua Bingen. A via, por ser mão dupla em praticamente todo o trecho, pode ser utilizada para quem fazer o caminho inverso.


Do Bingen ao Quitandinha a dica é usar o Vila Militar, passando pelo Valparaíso. Outra opção de passagem para o Valparaíso é a utilização da Comunidade Oswaldo Cruz – que dá acesso ao Cemitério Municipal. Já a partir do Itamarati, a opção é utilizar o Alto da Serra. A dica é usar as Ruas Silva Jardim, Santos Dumont, Albino Siqueira até a Praça Pasteur para onde pode seguir tanto para o Alto da Serra, quanto para o Quitandinha.


Todas as alterações viárias já foram passadas pela equipe da CPTrans ao aplicativo de celular Waze, que poderá ser um grande aliado dos motoristas petropolitanos para os dias da festa. O App está disponível em todas as plataformas na loja on-line de cada sistema operacional.


Programação dos filmes em cartaz