Boa tarde!           Segunda 21/10/2019   15:30
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Alerj Informa > Alerj dá Início à Sexta Edição do Parlamento Juvenil
Alerj dá Início à Sexta Edição do Parlamento Juvenil
07/08/2012 - 15:40 - Em clima de expectativa entre os estudantes, a Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) deu início, nesta terça-feira, à sexta edição do Parlamento Juvenil. Tomaram posse como parlamentares juvenis representantes de 70 municípios do estado, todos alunos da rede estadual de ensino. Além da solenidade, a manhã foi marcada pelo início dos trabalhos. Irlane Maciel, 17 anos, de Carapebus, foi eleita presidente da Mesa Diretora, com 10 votos a seu favor. "Eu me sinto lisonjeada porque é um orgulho muito grande estar aqui. Tenho várias expectativas de melhorias para a sociedade e o importante é não parar no meio do caminho", disse Irlane, primeira mulher eleita presidente do PJ. Irlane estuda no Colégio Estadual Tomás Coelho e já foi suplente de delegado de Direito da Criança e do Adolescente.

Também foram eleitos Jésus Abdala, vice-presidente, de Saquarema; Talita Guimarães, segunda vice-presidente, de Magé; Otávio Oliveira, primeiro secretário, de Petrópolis; e Felipe de Paula, segundo secretário, de Porto Real.

O presidente da Casa, deputado Paulo Melo (PMDB), declarou que o Parlamento Juvenil faz com que os jovens tenham um entendimento diferente da política, e que eles podem levar esse conhecimento adquirido no Legislativo para seus colégios e para o seu grupo de convívio social. "A importância principal é a conscientização da nossa juventude para a responsabilidade que cada um tem no processo de transformação política do nosso estado, do nosso País", afirmou o deputado. Coordenador-geral do Parlamento, e ele próprio ex-integrante do projeto, Bernardo Roberto afirma que a iniciativa da Casa gerou frutos, através de iniciativas semelhantes em câmaras municipais de cidades como Mendes e Resende. “A Assembleia Legislativa do Rio está na posição de vanguarda. Hoje, depois de seis anos em que estive aqui como parlamentar juvenil, posso assegurar que a única diferença entre o sonho e a realidade é o trabalho”, defendeu.

Mais de 200 pessoas estiveram presentes à sessão desta terça-feira, entre familiares, professores, amigos e ex-integrantes do projeto. Artur de Jesus, que por dois mandatos representou a cidade de Niterói no Parlamento, terminou na semana passada sua participação como parlamentar juvenil do Mercosul. Atualmente ele estuda Comunicação Social na PUC, como bolsista do Prouni, e diz que a iniciativa da Casa ajudou a mudar sua perspectiva de vida. "Passamos a entender o processo político, mas acima de tudo nos tornamos cidadãos melhores para a comunidade", garantiu Artur, que pretende seguir carreira política após terminar os estudos e se estabelecer financeiramente.

Este ano, o PJ teve tema livre para a apresentação dos projetos de lei, nos polos regionais. Na Alerj, os parlamentares juvenis vão atuar como deputados, realizando audiências, debatendo e votando as proposições em plenário. Algumas propostas que serão votadas depois poderão ser incorporadas por alguns parlamentares da Casa. Durante a tarde de hoje os parlamentares juvenis irão discursar e discutir os projetos que serão apresentados. Estiveram presentes à solenidade os deputados Luiz Paulo (PSDB), Cidinha Campos (PDT), Aspásia Camargo (PV) e Flávio Bolsonaro (PP), além do secretário de Estado de Habitação, Rafael Picciani, da coordenadora do Parlamento Juvenil junto à Secretaria de Estado de Educação, Edwiges Rosália, e da coordenadora de Esportes, Cultura e Protagonismo Juvenil da pasta, Cíntia Rodrigues.


Programação dos filmes em cartaz