Boa noite!           Sexta 21/02/2020   21:39
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Meio Ambiente > Secretaria de Meio Ambiente se reúne para discutir o Código Municipal Ambiental
Secretaria de Meio Ambiente se reúne para discutir o Código Municipal Ambiental
08/12/2010 - 18:14 - O secretário de Meio Ambiente, Luis Eduardo Peixoto, esteve reunido, na tarde desta quarta-feira (8), com a comissão do Conselho Municipal do Meio Ambiente, para discutir o Código Municipal Ambiental que está em fase final de confecção. A reunião aconteceu na sede da secretaria.

A comissão composta por funcionários e técnicos de secretarias municipais, representantes da sociedade civil e entidades privadas se reúne quinzenalmente há mais de um ano. O objetivo da criação do Código Municipal Ambiental é abranger as leis já existentes no município e fazer um código que permita atuar em todas as diretrizes ambientais e atender a todas as áreas que ainda não são priorizadas.

“Este projeto teve início em 2002, quando vi que o município não possuía algumas leis que poderiam ser benéficas principalmente ao meio ambiente. O Código Municipal Ambiental vai proporcionar ao município leis que protegem não só a nossa área verde, mas também os animais e ajudar a preservar todo este patrimônio natural”, explicou o secretário Luis Eduardo Peixoto.

De acordo com a representante da ONG Anima Vida, a criação do Código Municipal Ambiental representará um ganho imenso para a cidade. “Este código é fundamental para que o município tome as rédeas para gerir os assuntos relacionados ao meio ambiente e principalmente a fauna, como a caça e apreensão de animais silvestres, para que as punições sejam mais eficazes”, declarou Ana Cristina Ribeiro.

Já a coordenadora do Curso de Ciências Biológicas da Universidade Estácio de Sá, explicou que o tema também é debatido entre os professores do curso e alunos. “Já trouxemos algumas sugestões dadas pelos próprios alunos para debater nas reuniões, o que significa que os próximos biólogos já estarão envolvidos com o Código Municipal Ambiental”, contou Fernanda Retandaro.

Ascom - Prefeitura de Petrópolis

Programação dos filmes em cartaz