Boa noite!           Terça 30/11/2021   18:41
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Saúde > Município prepara Plano de Contingência para Coronavírus
Município prepara Plano de Contingência para Coronavírus
Petrópolis segue orientações do Estado e do Ministério da Saúde para sistematizar ações

27/02/2020 - 16:59 - A Secretaria de Saúde (SMS) ainda não registrou nenhum caso suspeito de coronavírus no município. No entanto, segue as orientações da Secretaria de Estado de Saúde (SES) para a sistematização e padronização do atendimento caso haja pacientes com suspeita da doença. Além disso, um plano de contingência municipal está sendo preparado e será apresentado ao Estado.

O plano de contingência reúne as medidas a serem tomadas como resposta antecipada em caso de surto da doença. A exemplo do plano estadual de resposta de emergência ao coronavírus, no plano municipal serão estabelecidas as ações em cada etapa, desde a movimentação para impedir a propagação do vírus no município, até em caso de surto da doença, criando todo o fluxo de procedimentos a serem tomados pelas autoridades de saúde.

No caso de prevenção, tratamento e isolamento dos casos, o município segue os protocolos e notas técnicas emitidas pela Secretaria de Estado e pelo Ministério da Saúde. No caso de comunicação dos casos, já existe no município o fluxograma para a notificação à SES sobre as suspeitas.

Hoje, o alerta médico, segundo o protocolo federal, é direcionado aos casos de pessoas com sintomatologia respiratória que tenham histórico de viagens para as áreas de transmissão nos últimos 14 dias.

Segundo a secretária de Saúde, Fabíola Heck, as unidades de saúde de urgência e emergência já têm orientação para ficarem alertas aos pacientes com os sintomas. As unidades possuem máscaras de proteção que são disponibilizadas aos pacientes com suspeita de doenças infectocontagiosas. “A orientação é do uso de máscaras para os pacientes que chegarem com sintomas de doenças respiratórias, além do início da investigação sobre o histórico das doenças que a pessoa já apresentou em momentos anteriores”, acrescentou.

Na próxima semana, a Vigilância em Saúde fará um treinamento para profissionais das áreas de saúde, pública e privada, para apresentar o plano e também reforçar os procedimentos a serem tomados caso apareça algum caso suspeito da doença.

“É importante, neste momento, reforçarmos a necessidade de cuidados com a higiene. Esse fator, entre outros, pode evitar o contágio e disseminação do coronavírus, assim como de outras doenças”, disse a secretária.

As orientações principais são: evitar contato muito próximo com pessoas com infecções respiratórias e sintomas da doença; lavar corretamente as mãos frequentemente e usar álcool em gel para desinfetar; usar lenço descartável para a higiene nasal; evitar tocar mucosa de nariz, boca e olhos; quando espirrar ou tossir cobrir nariz e boca; não compartilhar talheres, copos, garrafas ou pratos; manter ambientes ventilados e evitar aglomerações e ambientes fechados
 
Programação dos filmes em cartaz