Bom dia!           Segunda 17/02/2020   10:16
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Meio Ambiente > Produtores Rurais do Brejal recebem pagamento por Serviços Ambientais
Produtores Rurais do Brejal recebem pagamento por Serviços Ambientais
Uma área de 600 mil metros foi reflorestada dentro do projeto de Pagamento por Serviços Ambientais Hídricos da AGEVAP em parceria com a prefeitura, a REDEH e Comitê da Bacia Hidrográfica do Piabanh

15/06/2018 - 15:43 - Onze produtores rurais receberam o pagamento pelo reflorestamento de 600 mil metros quadrados de áreas degradadas na região do Brejal, em uma solenidade nesta sexta-feira (15.06) na Fazenda Vira-Mundo. O recurso de 24 mil reais é da Associação Pró-Gestão das Águas da Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul (AGEVAP) que realiza o projeto de Pagamento por Serviços Ambientais Hídricos em parceria com a prefeitura, a Rede de Desenvolvimento Humano (REDEH) e o Comitê da Bacia Hidrográfica do Piabanha. Em 24 meses de projeto, os agricultores realizaram práticas integradas de recuperação e conservação de afluentes da bacia hidrográfica do Rio Piabanha. A manutenção das áreas reflorestadas será realizada pela AGEVAP por mais um ano.

Ao longo de dois anos de projeto, foi realizado o plantio de 140 espécies nativas da Mata Atlântica. Também foram produzidos mais de 400 aceiros, que protegem as propriedades rurais de incêndios florestais. O vice-prefeito Baninho esteve presente na entrega dos cheques aos produtores e destacou que o projeto serve como exemplo de trabalho voltado para a educação ambiental.

"Esse projeto é um exemplo de como podemos trabalhar pela preservação ambiental nas áreas agrícolas. A prefeitura vem realizando um trabalho importante nas escolas, com a Defesa Civil e a Secretaria de Meio Ambiente. É importante mostrar aos jovens que é possível realizar um projeto como esse desenvolvido aqui no Brejal", disse Baninho.

O secretário de Meio Ambiente, Fred Procópio, elogiou o resultado do projeto. Disse também que a ideia foi inspiradora e vai ser desenvolvida em outras áreas agrícolas de Petrópolis.

"Em parceria com a Cervejaria Imperial e a Águas do Imperador, vamos ampliar para outras áreas agrícolas do município.  Esse projeto demonstra que produção rural e Meio Ambiente não são inimigos e devem caminhar sempre juntos", afirmou Fred.

O produtor Gustavo Aronovick, dono de uma fazenda de seis mil metros quadrados, disse que conseguiu aumentar a área de preservação em mais dois mil metros graças ao suporte do projeto. "Recebo, em média, 600 visitantes por ano dentro do Circuito Escultural. A quantidade de informação que é reproduzida graças a esse número é enorme. Além da proteção a essa área de preservação, que com certeza, é o principal benefício", garante.

"Esse projeto é muito importante para o Brejal, servindo de modelo para o restante dos agricultores daqui. É um exemplo bastante positivo para a nossa comunidade", afirma Alfredo Rodrigues Chaves, que reflorestou uma área de mil metros quadrados em sua propriedade.

Durante o evento de pagamento, houve também o anúncio de que a AGEVAP vai contribuir na manutenção da área reflorestada por mais um ano. "É impressionante ver a mudança na área reflorestada. É importante que a manutenção desse trabalho aconteça", explica David de Andrade Costa, especialista em recursos hídricos da AGEVAP.
Programação dos filmes em cartaz