Boa tarde!           Terça 30/11/2021   12:08
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Saúde > Médicos da UPA Centro participam de Capacitação sobre Atendimentos de Sorotepia
Médicos da UPA Centro participam de Capacitação sobre Atendimentos de Sorotepia
Unidade recebeu, em 2017, 29 vítimas de picadas de animais peçonhentos

26/03/2018 - 18:29 - A Secretaria de Saúde, por meio da Coordenadoria de Vigilância Epidemiológica, está promovendo a capacitação de enfermeiros e técnicos de enfermagem para a aplicação de soroterapia, tratamento para vítimas de picadas de animais peçonhentos, como cobras, aranhas e outras espécies. O curso é voltado para os profissionais da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), do Centro, local referência da aplicação deste tipo de tratamento. Em 2017, a unidade recebeu 29 paciente?s, 7 a mais que em 2016, que apresentou 22 casos. Nesta segunda-feira (26.03), foi a vez dos médicos da Unidade participarem do curso, que aconteceu no auditório do Departamento de Doenças Infecto Parasitárias (DIP).

"A UPA Centro é a referência da região no atendimento a casos de pacientes vítimas de picadas de animais peçonhentos, então é importante que os profissionais que recebem estas pessoas estejam cada vez mais capacitados. Um conhecimento absoluto sobre a aplicação do tratamento é maior garantia de que o profissional possa reconhecer as circunstâncias sob o qual o paciente está submetido e adotar a melhor administração do medicamento", disse o secretário de Saúde, Silmar Fortes.

A capacitação começou na última terça-feira (20.03) e terá continuidade nesta terça (27.03). Nos dois primeiros dias de curso, cerca de 50 profissionais acompanharam as orientações.

"É uma capacitação realizada anualmente, considerando que há mudanças no quadro de funcionários da unidade, entre um ano e outro. Então, nossa ideia é manter a equipe sempre preparada para estes atendimentos", explica a coordenadora de Vigilância Epidemiológica, Alessandra Cardoso.

Para a enfermeira chefe da UPA Centro, Deneicha Sipriano, a ação é importante para reforçar e qualificar mais ainda os profissionais que participam do atendimento dos casos na unidade, que é referência na região.

“Temos uma equipe de suporte muito preparada e uma capacitação deste tipo vem para acrescentar ainda mais nos nossos conhecimentos. Podemos ter maior contato com informações relativas a identificação dos casos, diagnóstico e tratamento, que é o caso da soroterapia”, explica Deneicha.

O atendimento às vítimas de acidentes com animais peçonhentos é realizado na UPA Centro. Caso o morador seja picado por algum animal venenoso, deve procurar imediatamente a unidade de urgência para atendimento e avaliação médica com a terapêutica adequada.
Programação dos filmes em cartaz