Boa noite!           Quinta 02/12/2021   04:13
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Saúde > SAMU realiza Curso de Instruções sobre os Riscos Biológicos envolvendo os Resgates
SAMU realiza Curso de Instruções sobre os Riscos Biológicos envolvendo os Resgates
Norma NR32 foi apresentada a 15 oficiais do Ministério da Aeronáutica
 
03/10/2017 - 08:18 - Assumindo a referência na Região Serrana na formação de profissionais que atuam na área da Saúde ou de resgate, o SAMU - Serviços de Atendimento Móvel de Urgência realizou nesta segunda-feira (02.10), no auditório da unidade, um curso sobre atendimento hospitalar e apresentação da norma reguladora NR32 a 15 oficiais do Ministério da Aeronáutica. A normativa tem por finalidade estabelecer as diretrizes básicas para a implementação de medidas de proteção à segurança e à saúde dos trabalhadores dos serviços de saúde.
 
A capacitação será realizada em módulos durante todo a semana, com aulas teóricas e práticas, ao final do processo os oficiais receberão um certificado emitido pela coordenadoria regional da Região Serrana.
 
“Nós fomos procurados pelo comandante tenente Mazzoni do pico do couto do Sindacta – Sistema Integrado de Defesa e Controle do Espaço Aéreo solicitando o treinamento. São médicos, enfermeiros, dentistas e combatentes que passarão por cinco dias de treinamento. Nós iremos promover ainda este mês o treinamento para oficiais do exército sobre o mesmo tema”, anuncia o coordenador administrativo do Samu, José Geraldo da Rocha.
 
O objetivo da capacitação é de alertar sobre os acidentes biológicos além de infecções diversas por exposição a pacientes e materiais infectado por não utilização de EPI – Equipamento de Proteção Individual.
 
 “Em abril capacitamos todos os 90 funcionários, entre os profissionais da regulação médica, enfermeiros, técnicos, condutores da base Petrópolis. Levamos ao secretário de Saúde a proposta de capacitação de toda rede não só com relação a NR32, mas também sobre os assuntos relativos à saúde com enfoque nos atendimentos hospitalares e de emergência”, destaca Renato Pereira, coordenador de enfermagem do Samu.
 
O Secretário de Saúde, Silmar Fortes, avalia que a capacitação e a formação continuada são importantes para que a execução das atividades não acarrete danos à saúde dos trabalhadores.
 
“Essas equipes podem ser expostas a vários riscos, como o contato com produtos tóxicos, manipulação de medicamentos, mas os riscos biológicos com contato direto e constante com o paciente são um dos mais preocupantes. Durante o atendimento em que eles estão lado a lado com vitimas com lesões graves e muitas vezes abertas eles podem correr o risco de se contaminarem. Por isso iremos investir em treinamentos de equipes e conscientizar sempre sobre o uso correto dos equipamentos de proteção individual”, afirma Silmar Fortes.
Programação dos filmes em cartaz