Boa noite!           Segunda 20/11/2017   22:47
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Exposições > Exposição “Quarup” na Casa da Educação
Exposição “Quarup” na Casa da Educação
Mostra poderá ser visitada até o dia 20 de setembro

06/09/2017 - 18:05 - Dez painéis que retratam fragmentos do livro “Quarup”, escrito por Antônio Callado. Essa é a mostra “Quarup”, que está aberta à visitação na Casa da Educação Visconde de Mauá. Concebida pelo Instituto Oldemburg de Desenvolvimento, responsável pela Festa Literária da Serra Imperial, a mostra poderá ser visitada até o dia 20 de setembro, de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h. A Casa da Educação fica na Avenida Barão do Rio Branco, nº 03.

“Quarup” é um romance escrito por Callado sobre os índios do Xingu, sendo sua obra prima um marco na literatura brasileira. O título retrata o preconceito e descaso vivido pelos índios.

“Ficamos surpresos e orgulhosos quando, na abertura da exposição, a viúva de Antônio Callado, Ana Arruda, declarou que a obra Quarup foi integralmente escrita na Casa em que hoje funciona a Casa da Educação Visconde de Mauá, pois ele era amigo de Lucinha Proença, que o hospedou para o feito. Este fato nos deu uma sensação de pertencimento absurda. Estamos muito felizes em conviver mais de perto com as histórias desse importante escritor brasileiro”, afirma a diretora da Casa da Educação, Catarina Maul.

Publicado em 1967, “Quarup” é considerado pela crítica uma das obras mais representativas do país, após a instauração do Regime Militar, “Quarup” retrata, através de seu protagonista, a realidade de um país em conflito e de temas diversos tais como o surgimento dos Sindicatos Rurais no Brasil, o começo dos movimentos populares e discussões sobre a influência estrangeira no Brasil. O título foi inspirado em um antigo rito dos índios Xingu em homenagem aos mortos (Kuarup), um retorno às origens para recomeçar uma nova vida, um rito de ressurreição que celebra o eterno ciclo da vida.

Sala de Leitura Antônio Callado

A Casa da Educação também inaugurou em agosto uma sala de leitura em homenagem a Antônio Callado. Foram doados mil livros pelo Instituto Oldemburg para a Biblioteca Mauá. Com o reforço, o espaço passou a contar com 3 mil títulos que podem ser emprestados para moradores de Petrópolis mediante inscrição.  O projeto “Alegria de Ler” do Instituto Oldemburg doará ainda nesse ano, com patrocínio da GE Celma, mais 4 mil livros, para as escolas da rede municipal Hercília Moret, em Corrêas; Carmem Nunes Martins, na Ponte de Ferro; Augusto Pugnaloni, em Itaipava; e a Escola Paroquial Nossa Senhora das Graças, no Quarteirão Brasileiro. Cada biblioteca receberá mil livros.
Spa Serra Morena