Bom dia!           Sábado 28/11/2020   07:49
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Música > Bandas Marciais > Praças e espaços públicos de Petrópolis ganharão música com o Circuito Imperial de Bandas Marciais
Praças e espaços públicos de Petrópolis ganharão música com o Circuito Imperial de Bandas Marciais
Novo projeto que vai levar a tradição da cidade para o público começa em setembro
 
06/08/2017 - 09:36 - Petrópolis vai ganhar mais uma programação musical permanente e gratuita em praças e espaços públicos do município com o Circuito Imperial de Bandas Marciais. Com início em setembro, após os tradicionais desfiles cívicos, o novo projeto do Instituto Municipal de Cultura e Esportes vai levar para o público – moradores e turistas – mais uma tradição da Cidade Imperial. A programação vai acontecer em diferentes espaços e dias alternados, sempre aos fins de semana, com 13 bandas da Associação Petropolitana de Bandas Marciais (Apeban).
 
“Assim como estamos fazendo com os corais, que passam a integrar a programação permanente da cidade, as bandas marciais completam essa agenda fixa de eventos gratuitos que o público agora pode contar. Além de oferecermos uma programação variada, permanente e gratuita a todos, estamos valorizando tradições tão fortes e atuantes da nossa cidade. Assim, moradores e os nossos visitantes ganham um leque de atrações de qualidade nos espaços do município. E a cultura petropolitana sendo valorizada e destacada”, disse o prefeito Bernardo Rossi.
 
As apresentações terão início logo após os tradicionais desfiles cívicos que são promovidos na Semana da Pátria sendo as bandas as protagonistas do evento. O Circuito Imperial de Bandas Marciais vai começar no dia 17 de setembro e volta no dia 30. Em outubro, as apresentações vão ocorrer nos dias 8, 21 e 29. Já em novembro o circuito estará nos dias 4, 12 e 25. Os palcos serão as praças da Liberdade; Dom Pedro; Pasteur (Castelânea); Alto da Serra; Mosela; Cascatinha; Nogueira e Centro de Artes e Esportes Unificado (CEU) da Posse.
 
“Nosso trabalho tem sido incansável em dialogar com todos os segmentos para entendermos a demanda de cada um e traçarmos ações que contemplem toda a cultura petropolitana. Nosso principal objetivo é inserir e valorizar a cultura local na nossa programação. E tenho certeza que estamos no caminho certo e já colhendo bons resultados com o Circuito Imperial de Coros, que acaba de ser lançado, e agora o Circuito Imperial de Bandas Marciais. São grandes ações e vocações do município que devem e serão incentivadas e exaltadas pela atual gestão”, comemora o diretor-presidente do IMCE, Leonardo Randolfo.
 
Pratas da casa na programação
 
O Circuito Imperial de Bandas Marciais terá a participarão de 13 das 16 bandas associadas à Apeban. São elas: Banda Marcial Amadeu Guimarães; Odete Fonseca; Imperial Petropolitana; Iohan Noel; Professora Leila de Souza Castro; Trovão Imperial; Dragões do Império; Frei Aniceto; Nilton Rocha; José Bonifácio; Cavaleiros do Império; Wolney Aguiar e Banda Musical 1º de Setembro. 
 
Para o segmento, a iniciativa vai valorizar e incentivar a profissionalização do trabalho desenvolvido pelas bandas nascidas dentro das escolas.
 
“A associação foi criada com o objetivo de promover a capacitação profissional das bandas e das crianças, a grande maioria da rede pública, e valorização desse trabalho. Essa valorização, e da própria associação também, é o reconhecimento do público que prestigia o festival. Mas certamente pela primeira vez o nosso segmento está tendo atenção especial do poder público, incluindo as bandas em uma programação que vai além do desfile cívico. É um incentivo para fomentarmos o trabalho desenvolvido pelas bandas pensando sempre na capacitação desses músicos”, disse o presidente da Apeban, Luiz Cláudio Lima.​ ​
Programação dos filmes em cartaz