Boa noite!           Sábado 29/02/2020   03:28
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Meio Ambiente > Secretaria de Meio Ambiente autoriza o corte de árvores no Estádio Atílio Marotti
Secretaria de Meio Ambiente autoriza o corte de árvores no Estádio Atílio Marotti
Ao todo, 12 árvores com risco de queda serão retiradas no local
 
18/05/2017 - 15:01 - A Secretaria de Meio Ambiente autorizou o corte de 12 árvores com risco iminente de queda no Estádio Atílio Marotti, o popular “Campo do Serrano”, na Rua Madre Francisca Pia, 400, no Quarteirão Ingelhein. Quatro delas estão em frente a um portão que vai ser usado como saída de emergência. O Leão da Serra vai fazer a remoção dos eucaliptos até a estreia da equipe no Campeonato Carioca da Série B1, no dia 27 deste mês, contra o Artsul, no Estádio Nivaldo Pereira. O primeiro jogo do azul e branco em casa acontece no dia 31 de maio, contra o Goytacaz.

Uma equipe de engenheiros florestais foi ao local na terça-feira (16.05). “São oito árvores do gênero embaúbas e quatro casuarinas, que estão inclinadas e em estado de fitossanitário bastante deficiente. Isso representa risco eminente de queda, colocando em risco a rede elétrica, os muros do estádio e as pessoas que por ventura estejam passando por ali. Por isso autorizamos a remoção”, explica o engenheiro florestal da Secretaria de Meio Ambiente, Flávio Bandeira.

Com a permissão, a diretoria do Serrano vai realizar o corte das árvores com o apoio de uma empresa. Todas as remoções autorizadas que estão dentro de terrenos particulares devem ser realizadas pelo proprietário.

“Recebemos pelo menos dois pedidos de corte ou poda de árvore por dia na Secretaria. Estamos trabalhando para atender a todas as demandas. É importante esclarecer que as árvores que estão em terreno particular devem ser retiradas pelo proprietário do local”, disse Flávio.

O presidente do Serrano, Alexandre Beck, confirmou que o clube já tem os laudos que permitem que os jogos aconteçam no Estádio Atílio Marotti, mas explicou que a remoção das árvores vai oferecer mais segurança aos torcedores.
Já temos os laudos para que os jogos aconteçam aqui, mas a nossa prioridade é a segurança dos torcedores. Sem as árvores, ganhamos mais um portão que em caso de emergência pode ser usado. Além disso, estamos fazendo pelo patrimônio do clube, já que as árvores poderiam cair e atingir a nossa rede elétrica e o muro”, explica.
Programação dos filmes em cartaz