Boa noite!           Quinta 02/12/2021   04:03
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Saúde > Secretaria de Saúde e Fiocruz vistoriam Laboratórios da Rede
Secretaria de Saúde e Fiocruz vistoriam Laboratórios da Rede
O objetivo é criar projetos que aumentem a capacidade e a qualidade do atendimento
 
22/02/2017 - 18:06 - A Secretaria de Saúde vistoriou na tarde desta quarta-feira (22.02), os laboratórios de análises clínicas municipais, junto a uma equipe da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e do Laboratório Central de Saúde Pública do Rio de Janeiro (Lacen). A inspeção faz parte de uma parceria entre as instituições para a criação de projetos a serem enviados ao Ministério da Saúde para solicitação de recursos federais.
 
A rede ambulatorial do município realiza em média 40 mil exames distribuídos nos hospitais: Alcides Carneiro, Hospital Municipal Nelson de Sá Earp, Instituto da Mulher (antigo Centro de Saúde) e Pronto Socorro Leônidas Sampaio. Com o estudo proposto pela Secretaria de Saúde será possível identificar a capacidade de atendimento de cada unidade, os exames mais realizados, pontos a serem melhorados e o que precisa de desde a ampliação das unidades até a compra de equipamentos.
 
O secretário da Saúde, Silmar Fortes, explicou que após a visita ao Ministério da Saúde em Brasília, no último mês, foi sinalizado que o governo federal só viabiliza o envio de verbas através da aprovação de projetos de investimentos.
 
“Nós precisamos mapear a rede para identificar a nossa capacidade de atendimento, o que podemos referenciar para outras unidades, melhorar em processos internos, infraestrutura, capacidade técnica e ganhar mais qualidade nos atendimentos. Com esse processo de melhoria contínua nós conseguiremos reduzir os nossos custos e ainda criar projetos a serem encaminhados para o Governo Federal para angariar fundos de investimentos.”, explicou Silmar Fortes.
 
A Fiocruz possui 50 laboratórios e centros de referência nacional em análises clínicas que são responsáveis por dar respostas imediatas a problemas emergenciais, como epidemias ou novas doençasàs entidades e unidades de saúde em todo o Brasil. O diretor da Fiocruz em Petrópolis, Félix Rosenberg, comentou que a parceria entre a Secretaria da Saúde e a Fiocruz que se iniciou na reunião desta segunda-feira (20.02), auxiliará o governo municipal a criar um mapa da saúde de Petrópolis.
 
“Pretendemos fortalecer os vínculos com o governo municipal e auxiliar no que for possível os gestores na elaboração do mapa da saúde e de projetos a serem enviados ao governo federal. Nós podemos oferecer a consultoria da nossa coordenação que é referência no serviço de análises clínicas em todo o país”, anunciou Félix Rosenberg.
 
Estão previstas também a integração entre o serviço de Educação Permanente da Secretaria de Saúde e o do Laboratório Central de Saúde Pública do Rio de Janeiro (Lacen). A Diretora do Lacen, Shirlei Aguiar antecipou que a partir da vistoria de hoje já será possível traçar metas para capacitação das equipes que garantam mais eficiência e qualidade nos atendimentos.
 
“Nós iremos disponibilizar equipes para treinamento da parte técnica, metodologia e também aumentar a distribuição dos insumos dentro da rede municipal de Petrópolis. Esse é a primeira vistoria que fizemos e pretendemos fortalecer o vínculo e traçar estratégias de atuação, em reuniões nas próximas semanas.”, afirmou Shirlei Aguiar.
Programação dos filmes em cartaz