Boa noite!           Quinta 02/12/2021   04:40
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Saúde > Ação Contra o Mosquito Aedes Aegypty é feita na Estrada da Saudade
Ação Contra o Mosquito Aedes Aegypty é feita na Estrada da Saudade
29/01/2016 - 10:56 - Durante toda a manhã desta sexta-feira (29/1), equipes do Posto de Saúde da Família (PSF) da Estrada da Saudade percorreram os bairros da região orientando os moradores sobre o combate ao mosquito Aedes Aegypti, responsável pela transmissão da dengue, da chikungunya e do zika vírus. A atuação foi realizada pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde com parceria da Secretaria de Trabalho, Assistência Social e Cidadania (Setrac), da Comdep, da Vigilância Sanitária e da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (Fase).

Os profissionais distribuíram folhetos explicativos sobre o combate do mosquito nas comunidades, além de fazerem uma inspeção nas residências como forma de prevenção. Uma retro escavadeira e quatro caminhões foram disponibilizados pela Comdep para recolherem os entulhos na região. Um carro de som também foi utilizado para incentivar os moradores no combate ao Aedes aegypti.

A enfermeira e coordenadora da ação, Eliane Pinheiro, destacou a importância da mobilização para evitar a proliferação do mosquito. “É importante que exista este tipo de conscientização nas comunidades, nós estamos orientando as pessoas para que não deixem água parada em calhas, vasos de planta, piscinas e caixas d’águas. Nós também estamos aproveitando para enfatizar a prevenção do Zika vírus em gestantes, devido à microcefalia que pode afetar os bebês. Estaremos trabalhando pesado para eliminar ao máximo os focos do mosquito e contamos com o apoio de toda a população”, ressaltou Eliane.

“Estou sempre limpando as calhas, a piscina e também colocando cloro na caixa d’água aqui de casa, tudo para não deixar que o mosquito da dengue se reproduza, acho interessante esse trabalho de conscientização para que as pessoas façam a sua parte”, disse o motorista, Antônio Carlos, morador da Comunidade do Fragoso.

A dona de casa, Ana Maria, também moradora do local, disse estar fazendo a sua parte na prevenção do mosquito. “Procuro não deixar água parada evitando assim um criadouro. Usamos repelente diariamente como forma de prevenção, além de estarmos sempre limpando os locais onde água da chuva se acumula”. 

Sigas as dicas para evitar focos do mosquito:

- Não deixar a água se acumular em recipientes como, por exemplo, vasos, calhas, pneus, cacos de vidro, latas e etc.
- Manter fechadas as caixas d’água, poços e cisternas.
- Não cultivar plantas em vasos com água. Usar terra ou areia nestes casos.
- Tratar as piscinas com cloro e fazer a limpeza constante. O ideal é deixá-las cobertas ou vazias quando não for usar por um longo período.
- Manter as calhas limpas e desentupidas.
- Avisar um agente público de saúde do município caso exista alguma situação onde há o risco de proliferação da doença.
Programação dos filmes em cartaz