Boa noite!           Sábado 29/02/2020   04:35
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Meio Ambiente > Parque Natural Municipal "Padre Quinha" poderá ganhar Muro de Escalada
Parque Natural Municipal "Padre Quinha" poderá ganhar Muro de Escalada

26/09/2015 - 09:33 - Os visitantes do Parque Natural Municipal Padre Quinha, na Avenida Ipiranga, poderão ganhar um novo atrativo: um muro de escalada, para incentivar a prática de esporte e do ecoturismo. A proposta foi apresentada na quinta-feira (24/9) pelo secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Almir Schmidt, ao Comitê Gestor do Parque. A iniciativa não geraria custos ao município, já que seria realizada por meio de uma Manifestação de Interesse da Iniciativa Privada (MIP) – uma espécie de concessão, cabendo a uma empresa os custos de instalação da estrutura.

No dia 8 de outubro, o secretário Almir Schmidt participará de nova reunião com o Comitê Gestor do Parque para apresentar detalhes do projeto. Como ele explicou na reunião de quinta-feira, o projeto é para um centro de atendimento do esporte e do ecoturismo, com espaço para exposições e banheiros, além do muro de escalada. A construção seria modular, ou seja, podendo ser retirada, já que não haveria fundações. A ideia inicial é que o espaço tenha 300 metros quadrados, com energia solar e aproveitamento de água da chuva.

“Há todo um critério a ser seguido. Seria um espaço sustentável, com total respeito ao meio ambiente e sem custos ao município. Não haveria supressão de vegetação. Com o parque ganhando mais esse atrativo, vamos valorizar a área e estimular a prática de esportes e do ecoturismo. No projeto, vamos estipular uma cota de gratuidade para os estudantes de escolas públicas”, acrescentou o secretário Almir Schmidt.

Na reunião, o secretário ainda anunciou que o parque também será beneficiado com a restauração da ruína que há no local. O valor de R$ 1,3 milhão, fruto de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) entre uma empresa privada e o Instituto Estadual do Ambiente (Inea), já está disponível no Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio) para que o governo do estado faça a licitação e defina a empresa que realizará a restauração. “Os recursos serão controlados pelo governo do estado. Caberá ao município a fiscalização”, disse Schmidt.

Programação dos filmes em cartaz