Boa tarde!           Terça 20/08/2019   16:06
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Caderno Cultura Netpetropolis > Em solenidade, Museu Imperial reabre Casa de Cláudio de Souza
Em solenidade, Museu Imperial reabre Casa de Cláudio de Souza

13/07/2011 -  Na última terça-feira, 12 de julho, foi realizada a solenidade de reabertura da Casa de Cláudio de Souza/Museu Imperial, que se transforma em um novo centro cultural na cidade de Petrópolis. O evento contou com uma mesa de abertura, o lançamento da versão em língua inglesa do Guia de Visitação do Museu Imperial e uma leitura de um conto do escritor e dramaturgo Cláudio de Souza.

A casa passou por um restauro de cerca de oito meses e, a partir de agora, será aberta ao público com entrada gratuita. No espaço, foi montada uma exposição dedicada à vida de Cláudio de Souza em Petrópolis e a biblioteca do escritor, composta de mais de 600 obras, disponíveis para consulta pública.

O diretor do Museu Imperial, Maurício Vicente Ferreira Jr., destacou a importância de se abrir a casa à visitação. “O Museu Imperial recebeu esta edificação em 1956, por doação da viúva de Cláudio de Souza, dona Luiza, que satisfazia a vontade de seu marido. Agora, estamos concretizando seu desejo de ver esta casa como um espaço de efervescência cultural. Aqui, serão realizadas exposições, leituras de peças e outros eventos”.

Também esteve presente à cerimônia Cláudio Murilo Leal, presidente do PEN Clube do Brasil, instituição criada por Cláudio de Souza em 1936. “Cláudio de Souza, muitas vezes, é lembrado apenas como um benfeitor, um homem rico que legou seu patrimônio a instituições, como aconteceu com esta casa, doada ao Museu Imperial. Mas é importante que ele também seja lembrado como escritor e dramaturgo, pois teve grande influência no teatro brasileiro”, afirmou.

Representando o presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC), Cláudia Storino, da Coordenação de Espaços Museais, Arquitetura e Expografia do Ibram, ressaltou a importância histórica da edificação. “O Museu Imperial fez um importante trabalho ao recuperar os aspectos originais desta construção”, completou.

Participaram da solenidade, ainda, representantes das instituições que têm suas sedes na Casa de Cláudio de Souza: o presidente da Academia Petropolitana de Educação, Ataualpa Antonio Pereira Filho; o presidente do Instituto Histórico de Petrópolis, Luiz Carlos Gomes; e o presidente das Academias Petropolitana de Letras e Brasileira de Poesia - Casa de Raul de Leoni, Joaquim Eloy.

Após a solenidade, foi realizado o lançamento da versão em língua inglesa do Guia de Visitação do Museu Imperial, patrocinado pela Família Imperial Brasileira. Representando a família, o príncipe d. Pedro Carlos de Orleans e Bragança autografou um dos exemplares, que foi entregue à chefe da Biblioteca do Museu Imperial, Cláudia Costa, para compor o acervo da instituição.

Em seguida, o historiador, professor e diretor de teatro e cinema Flávio Kactuz fez uma leitura dramatizada do conto “Só os loucos sabem amar”, de autoria de Cláudio de Souza e integrante do livro Sol e Sombra, publicado em 1945.

A Casa de Cláudio de Souza está aberta à visitação de terça a sexta-feira, das 11h às 18h, com entrada gratuita. Já a Biblioteca de Cláudio de Souza funciona de terça a sexta, das 13h30 às 17h30 (livre) e na parte da manhã (mediante agendamento pelo e-mail mimp.biblioteca@museus.gov.br).

SERVIÇOS

Casa de Cláudio de Souza
Endereço: Praça de Liberdade, 247, Centro, Petrópolis
Telefone: (24)2245-3418
E-mail: mimp.claudiodesouza@museus.gov.br

Visitação: de terça a sexta, das 11h às 18h - gratuita
Biblioteca: de terça a sexta, das 13h30 às 17h30 (livre) e na parte da manhã (mediante agendamento pelo e-mail mimp.biblioteca@museus.gov.br)

Museu Imperial
Endereço: Rua da Imperatriz, 220 – Centro – Petrópolis, RJ
Telefones: (24) 2245-5550 / (24) 2245-5560

Programação dos filmes em cartaz