Bom dia!           Tera 23/07/2024   08:15
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Saúde > Crianças e Adolescentes de 10 a 14 Anos são Prioridade na Vacinação contra a Dengue
Crianças e Adolescentes de 10 a 14 Anos são Prioridade na Vacinação contra a Dengue
05/07/2024 - 10:12 - Apesar da liberação da vacina contra a dengue para crianças e adolescentes desde o dia 20 de junho, a adesão tem sido abaixo do esperado, não só em Petrópolis, mas em todo o país. Até a manhã desta quinta-feira (04), apenas 295 doses do imunizante foram aplicadas, de um total de mais de 3,8 mil recebidas pelo município. Crianças e adolescentes de 10 a 14 anos integram o público alvo.

Em Petrópolis, a vacina está sendo ofertada pela Prefeitura, por meio da Divisão de Imunização da Secretaria de Saúde, em três salas de vacinação, como Centro de Saúde Coletiva e UBSs de Itaipava e Pedro do Rio. “É fundamental que pais e responsáveis levem seus filhos aos postos de vacinação para garantir a imunização completa contra a dengue, evitando assim complicações. A vacina é segura e essencial para proteger nossas crianças e adolescentes contra complicações graves da dengue”, alerta o prefeito Rubens Bomtempo.

O secretário de Saúde, Ricardo Patuléa, enfatizou a importância da vacinação preventiva. "O Ministério da Saúde observou um aumento nos casos graves de dengue entre crianças e adolescentes. A vacinação é uma medida eficaz para evitar hospitalizações e complicações decorrentes da doença", afirmou.

Pediatra e infectologista destacam a gravidade da doença e a importância da vacinação

A dengue é uma arbovirose que pode ser causada por quatro sorotipos diferentes, e seus sintomas incluem mialgia intensa, febre, diarreia e vômito. “É uma enfermidade severa, que incluem ainda dores musculares intensas, podendo evoluir para formas graves com risco de queda significativa das plaquetas e até choque”, explica, o pediatra Roberto Audyr, diretor médico do Centro de Saúde Coletiva e diretor técnico da Clínica de Imunização Vaccini. Ele acrescenta que a situação epidemiológica da dengue, no país, é alarmante. Em 2024, até abril, o Brasil já havia registrado 4,3 milhões de casos da doença e 2.197 óbitos confirmados.

Para combater a doença, Audyr enfatiza a importância da vacinação. "A vacina Qdenga, disponibilizada pelo Ministério da Saúde para a faixa etária de 10 a 14 anos, é segura e eficaz. "A vacina Qdenga é segura, com vírus vivo atenuado, e protege contra os quatro sorotipos da dengue. Ela apresenta uma eficácia superior a 80% contra as formas graves da doença, com mínimos efeitos adversos. A aplicação ocorre em duas doses, com intervalo de três meses, seguindo rigorosamente as orientações do Ministério da Saúde", afirmou.

De acordo com o médico infectologista Marco Liserre, a escolha dessa faixa etária para priorização da vacinação se deve aos dados epidemiológicos. "Crianças e adolescentes entre 10 e 14 anos têm mostrado maior propensão a desenvolver quadros graves de dengue. A vacina Qdenga é segura e recomendada mesmo para aqueles que nunca tiveram contato com o vírus", explicou Liserre.

A vacina Qdenga requer duas doses, administradas com um intervalo de três meses. Liserre também destacou que mesmo quem já teve dengue deve completar o esquema vacinal. "É importante que todos se conscientizem sobre a importância da vacinação para proteger os jovens", concluiu o infectologista.

Confira Horário de Funcionamento das Salas de Vacinação:

Centro de Saúde Coletiva
8h às 16h30 - terça, quinta e sexta
8h às 19h30 - segunda e quarta

UBS Itaipava
8h30 às 16h30 - segunda, quarta e sexta
8h30 às 19h terça e quinta

UBS Pedro do Rio
8h às 16h - segunda a sexta

Carla Cavalcante
Programação dos filmes em cartaz