Bom dia!           Sábado 04/04/2020   09:03
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Notícias > Educação: instituições de ensino da rede privada também devem suspender aulas por 15 dias
Educação: instituições de ensino da rede privada também devem suspender aulas por 15 dias
13/03/2020 - 21h - Determinação está em decreto do governador Wilson Witzel


O prefeito Bernardo Rossi recebeu nessa sexta-feira (13.03.2020) representantes de instituições de ensino da rede privada – creches, escolas e universidades. Na ocasião, foi apresentado o decreto do governador Wilson Witzel que determina a suspensão das aulas por 15 dias – inclusive nas unidades da rede privada, a partir de segunda-feira (16.03.2020). Na ocasião, o prefeito explicou que não há caso confirmado em Petrópolis, mas que a prefeitura está se adiantando. Bernardo Rossi também apresentou o plano de contingenciamento que está sendo colocado em pratica pela prefeitura.


“Durante a manhã, suspendemos o atendimento nas escolas da rede municipal de forma preventiva por causa da disseminação do coronavirus. À tarde tivemos acesso ao decreto do governador e a nossa intenção foi a de mostrar o plano de contingência do município para os gestores das escolas privadas, tirar as suas dúvidas e pedir ajuda na divulgação dos atos de prevenção”, disse o prefeito Bernardo Rossi.


O decreto do governador Wilson Witzel, prevê medidas temporárias de prevenção ao contágio e enfrentamento de emergência em saúde pública estadual e internacional decorrente do novo coronavirus no âmbito do Estado. O decreto suspende por 15 dias as aulas, sem prejuízo da manutenção do calendário recomendado pelo Ministério da Educação nas unidades da rede pública e privada de ensino, inclusive nas unidades de ensino superior.


“Importante que todos fiquem atentos. A rede pública está de prontidão e em caso de duvidas todos podem ligar para o 192, o Samu. Não temos casos confirmados, mas, estamos atuando de acordo com as orientações do Estado e com equipes preparadas para dar suporte a população”, afirmou a secretária de Saúde, Fabiola Heck.
Programação dos filmes em cartaz