Boa noite!           Sábado 23/03/2019   02:08
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Artigos > Música
Música


Novo cd  "Até aonde Vai"

Jota Quest, o soul com pegada pop

Coube ao grupo Jota Quest a proeza de inaugurar no Brasil, em maio de 2005, o formato bootleg. No caso, com o lançamento de DVD e CD ao vivo que registram show gravado em janeiro do mesmo ano, na casa Claro Hall, no Rio de Janeiro (RJ). Não foi por acaso que a gravadora Sony BMG escolheu o quinteto para implantar o formato bootleg no mercado fonográfico nacional. Em apenas dez anos de carreira oficial, iniciada com o lançamento de um CD independente em 1995, o Jota Quest se consolidou na cena pop brasileira como um dos grupos de maior popularidade e credibilidade.


Certamente nenhum habitante de Belo Horizonte imaginaria uma trajetória tão meteórica para aquele grupo que começou a se formar em 1993. Os primeiros integrantes foram o baixista PJ (Paulo Roberto Diniz Júnior, nascido em Curvelo, MG, em 28 de janeiro de 1968) e o baterista Paulinho Fonseca (Paulo Alexandre Amado Fonseca, nascido em Belo Horizonte em 26 de junho de 1966). Depois, vieram o tecladista Márcio Buzelin (Márcio Túlio Marques Buzelin, nascido em Belo Horizonte em 4 de agosto de 1970) e o guitarrista Marco Túlio (Marcos Túlio de Oliveira Lara, nascido em Belo Horizonte em 12 de maio de 1971). Por último, aprovado num teste no qual concorriam mais de dez cantores, o vocalista Rogério Flausino (Rogério de Oliveira de Oliveira, nascido em Alfenas, MG, em 25 de abril de 1972) teve oficializada sua entrada no grupo.

Com a formação consolidada, o quinteto começou a fazer o circuito de festas e shows de Belo Horizonte. Na ocasião, a banda nem nome tinha. Veio então a idéia de usar o nome J. Quest como uma homenagem ao personagem de desenho animado Johnny Quest, popularizado nos anos 60. A experiência no circuito alternativo de Minas Gerais deu cancha ao grupo, que bancou do próprio bolso, em 1995, a gravação do primeiro disco, editado de forma independente com tiragem de mil cópias. E seu soul de pegada pop logo extrapolou as fronteiras mineiras e chamou a atenção da gravadora Sony Music, que contratou a banda.

Em 1996, com a promoção nacional da Sony Music, o grupo lançou seu primeiro disco oficial, J. Quest, que destacou as faixas Encontrar Alguém (parceria de Rogério Flausino e Marco Túlio) e As Dores do Mundo (regravação de sucesso dos anos 70, composto e lançado pelo cantor de soul Hyldon). O álbum contou ainda com a participação afetiva de Tony Tornado, pioneiro da black music nacional, na faixa Há Quanto Tempo, parceria da banda com Wilsinho Oliveira. Outra curiosidade foi a recriação de Dance Enquanto É Tempo, tema de autoria de Tim Maia, ícone do soul brasileiro.

Um problema judicial com o grupo que detém os direitos do personagem Johnny Quest forçou o quinteto a alterar seu nome para Jota Quest. Foi com este definitivo nome que o grupo lançou em 1998 seu segundo álbum na Sony Music, De Volta ao Planeta, um dos discos mais bem-sucedidos daquele ano. As vendas ultrapassaram as 800 mil cópias por conta de megahits como Fácil e O Vento. Como curiosidade, o CD trouxe uma regravação de Tão Bem, do repertório de Lulu Santos. O sucesso do álbum foi tanto que o Jota Quest passou o ano de 1999 na estrada, na turnê promocional do disco. Foi a época em que o grupo investiu na produção de grandes shows, com ônibus e equipamentos próprios.

Em 2000, o disco Oxigênio, o terceiro da banda na Sony Music, chegou às lojas com uma pegada roqueira que incrementou ainda mais o pop soul do quinteto. A música que se destacou nas rádios foi a faixa-título – inusitada parceria de Rogério Flausino com Zé Ramalho. Depois, foi a vez de Tele-Fome tocar sem parar em todo o Brasil. As vendas ficaram na casa das 500 mil cópias vendidas, sedimentando a popularidade do Jota Quest.

O CD seguinte, Discotecagem Pop Variada, saiu em 2002 e trouxe mais hits para a coleção da banda. O primeiro foi Na Moral, parceria de Flausino com seu irmão Wilson Sideral, co-autor de Fácil. O sucesso seguinte foi a balada Só Hoje. O disco teve seu título inspirado numa faixa fixada num bar de Pinheiros, bairro paulista. O cantor Arnaldo Antunes assinou a letra de Tanto Faz.

Em maio de 2003, comemorando uma década de carreira a partir da formação inicial da banda em Belo Horizonte, o Jota Quest gravou CD e DVD (o primeiro de sua trajetória) na série MTV ao Vivo em show realizado para a multidão que encheu a Praça do Papa, em Belo Horizonte (MG). O repertório incluiu os maiores hits da banda e inéditas como Amor Maior, que liderou as paradas do Brasil, impulsionou as vendas do CD e foi projetada nacionalmente na trilha da novela Mulheres Apaixonadas. O outro grande sucesso do disco foi Do seu Lado, inédita de Nando Reis, dada para o grupo. Arnaldo Antunes fez dueto com Rogério Flausino em Tanto faz. O rapper Thaíde participou de Por mim e Por Você.

O MTV ao Vivo do Jota Quest foi tão bem-sucedido que gerou concorrida turnê nacional da banda durante o ano de 2004. E foi justamente o embrião do segundo projeto ao vivo do grupo, que lançou em 2005 seu segundo DVD, Clipes, e este outro disco ao vivo no pioneiro formato bootleg, idealizado para os fãs, com tiragem limitada de 60 mil cópias. E que venham os próximos hits!!

Fonte: www.bmg.com.br 

Programação dos filmes em cartaz
Spa Serra Morena