Boa noite!           Quinta 17/10/2019   00:07
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Exposições > Treinamento de Cavalos Quarto de Milha é profissão que passa de Pai para Filhos
Treinamento de Cavalos Quarto de Milha é profissão que passa de Pai para Filhos
Competindo nos eventos da ABQM há 28 anos, a família Taboga se destaca na modalidade de Apartação

26/04/2018 - 19:21 - A família Taboga criou seus dois filhos a base de arroz, feijão e cavalos. O esporte equestre foi o que gerou recursos financeiros para o sustento da casa e proporcionou a eles uma ascensão social e profissional. Atualmente, a indústria do cavalo assiste financeiramente milhares de famílias, pois emprega cerca de 3 milhões de pessoas. O setor, que cresceu 12% em 10 anos, é responsável por movimentar mais de R$ 16 bilhões por ano na economia nacional.

O treinador de cavalos de Apartação, Francisco Carlos Taboga, teve o primeiro contato com o Quarto de Milha aos 16 anos e percebeu que poderia desenvolver sua profissão em torno desses animais. Hoje, ele possui um centro de treinamentos para cavalos de apartação na cidade de Brotas (SP). “Sou um trabalhador rural. Esta é uma profissão que basta trabalhar com dedicação e focado em resultados que não tem como dar errado. Minha primeira apresentação foi durante o Campeonato Nacional da Associação Brasileira da Raça Quarto de Milha (ABQM), em 1989, em Bauru (SP). Minha esposa, Luzia Taboga, esteve 100% ao meu lado durante todos esses anos e é ela quem cuida de toda a parte administrativa do negócio”, afirmou Taboga.

O esporte também foi responsável por estimular um poderoso vínculo entre pais e filhos que, até o próximo dia 29 de abril, compartilharão momentos de lazer e conquistas profissionais no 28º Congresso Brasileiro do Quarto de Milha, que ocorre em Avaré (SP). “Trabalhamos em um sistema familiar, e sem união não conseguiríamos tocar nosso negócio. Não os vejo apenas como filhos, mas como bons profissionais que são. Sou crítico com eles quando necessário e sempre transmito a eles os meus princípios para que façam o melhor que puderem”, acrescentou o treinador.

O interesse deles pelo esporte surgiu naturalmente. Luis Fernando e Rodrigo Taboga, com aproximadamente 10 anos já começaram a ajudar o pai na lida com os cavalos e atualmente, trabalham em um centro de treinamento, na cidade de Brotas (SP). O patriarca, que frequenta a ABQM há 28 anos, é um dos 10 melhores profissionais da modalidade no país. Seus passos na carreira de treinador é seguido pelos filhos, que já detêm posições de destaque no esporte. Rodrigo e Luis Fernando, ocupam, respectivamente, a segunda e a terceira colocação entre os melhores cavaleiros do Brasil na Apartação no ano de 2018, de acordo com o ranking ABQM. Tal empenho já faz com que eles visem a carreira internacional.
Programação dos filmes em cartaz