Boa noite!           Terça 02/03/2021   19:53
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Transporte > Teste da CPTrans na Avenida Tiradentes visa diminuir tempo de viagem de usuários do transporte público
Teste da CPTrans na Avenida Tiradentes visa diminuir tempo de viagem de usuários do transporte público
04/04/2018 - 18:21 - Com o objetivo de diminuir o tempo das viagens no transporte público urbano, a CPTrans deu início nesta quarta-feira (04.04) aos testes de trânsito na Avenida Tiradentes. A iniciativa que tira da Avenida Ipiranga 60 ônibus da Cidade Real e Petro Ita foi testada entre 16 e 17h30 e também será realizada nesta quinta-feira (05.04) entre 15 e 18h A intenção é desafogar o trecho anteriormente utilizando melhorando o fluxo das vias para melhorar o tempo de viagem das linhas. 

No teste realizado nesta quarta, a CPTrans manteve o estacionamento rotativo do mesmo local e os ônibus utilizaram o acesso à Tiradentes, seguindo da Imperatriz, pelo mesmo caminho feito pelas charretes. No fim da rua, agentes de trânsito e sinalização removível foram disponibilizados para a correta orientação dos motoristas que acessaram a Avenida Koeler. Já nesta quinta-feira, a mudança será semelhante, com a diferença de que o estacionamento rotativo ficará do outro lado da via, que permanece em mão dupla.

“Nossa preocupação principal é com o usuário de transporte público – principal afetado com a retenção na Rua Ipiranga. Após os testes vamos avaliar seu impacto para o tempo de viagem de cada uma das linhas e como o trânsito do restante da cidade foi impactado. Vamos unir essas informações aos dados coletados pelo sistema de GPS dos ônibus e também contaremos com nossos engenheiros de trânsito e agentes de trânsito para, juntos, avaliar essa alternativa. Esperamos que a conclusão seja positiva”, destaca o diretor-presidente da CPTrans, Maurinho Branco.

A expectativa em torno do teste ocorre após a CPTrans ter conseguido, em dezembro de 2017, resultados positivos na economia de tempo dos ônibus da linha 700 (Terminal Itaipava) após a mudança de itinerário com a linhas 600 (Terminal Corrêas). Os dados do GPS dos ônibus apontam que a mudança de itinerário da linha 700 no horário de pico resultou em uma economia média de 6 minutos no trajeto até o distrito de Itaipava, em comparação ao percurso anterior em que a linha passava pela Alberto Torres. Na prática, significa dizer que o tempo médio dos ônibus nesse trajeto era de 14m30s e com a mudança passou a 8m18s, uma redução de 43%, em 123 viagens.

Já os veículos da linha 600 tiveram uma redução de tempo de 8,4%, ou seja, de cerca de 1m13s por viagem comparando com o tempo utilizado pela linha 700 quando fazia o mesmo itinerário. O tempo cresceu, no entanto, se comparado ao que era levado quando a linha fazia percurso pela Rua da Imperatriz. É importante esclarecer, no entanto, que enquanto a linha 600 transporta, em média, 2.800 pessoas ao dia, a 700 transporta cerca de 12 mil.

“Esse ganho não é trivial e representa uma melhora para quem efetivamente utiliza essas linhas. Agora, estamos trabalhando para conseguir diminuir o tempo de outras linhas e, alcançando resultados positivos, podemos, inclusive, utilizar esse percurso também nas linhas de ônibus da Turb e da Cascatinha. Nossa intenção é sempre encontrar alternativas que facilitem a vida do usuário de transporte público”, explica o diretor técnico e operacional da CPTrans, Maurinho Branco.

Aplicativo Vá de Ônibus também facilita a vida do usuário de transporte público

Com mais de 12 mil acessos de diferentes dispositivos, o aplicativo Vá de Ônibus é um importante aliado para o planejamento da rotina dos usuários do transporte público. Lançado durante da 14ª Conferência Municipal de Trânsito e Transportes (CMTT), em fevereiro, ele está disponível para smartphones com Android e iOS além de poder ser utilizado pela internet no site www.vadeonibus.com.br. Pelo app ou pelo site é possível calcular rotas, localizar os pontos de ônibus mais próximos ao usuário, consultar itinerários para seguir de um ponto ao outro da cidade de todas as 241 linhas urbanas disponíveis em Petrópolis, além de saber exatamente em qual localização do itinerário o usuário está.

Dicas para uso do aplicativo:

Após baixar gratuitamente na Apple Store ou Google Play o usuário deve autorizar o sistema para acessar a sua localização. Feito isso é só começar a usar. É importante que o usuário, ao escolher a opção de endereço, tanto no campo “Onde você está”, como no campo “Aonde você quer ir”, fique atento para colocar o nome correto da rua – o que vai garantir o sucesso na busca.

- Escolha na lista de municípios aquele em que você se encontra e aquele para o qual deseja ir.

- Não digite as palavras “rua”, “avenida”, “estrada”, etc. Informe apenas o nome do logradouro.

- Nos logradouros (ruas, avenidas, travessas, etc) cujos nomes tenham três ou mais palavras, digite somente uma das palavras que compõem o nome.

- Termos como presidente, coronel, general, marechal, senador, etc não devem ser digitados.

- Não digite acentos, cedilha ou hífen.

- Não use preposições.

- Para nomes de logradouros que possam apresentar grafias distintas, tente todas as grafias possíveis. Manga Larga, em Itaipava, por exemplo, é encontrado como Jerônimo Ferreira Alves.

- Logradouros com numerais digite por extenso.

- Você pode informar o número do logradouro. “Onde você está” ou “Aonde você quer ir”. A informação não é obrigatória, mas ajuda na busca de linhas de ônibus que passem o mais próximo do número informado.

- Caso você não encontre o endereço desejado, procure usar nomes de logradouros conhecidos e movimentados que sejam próximos aos pontos de partida ou chegada que você procura.

Percurso passo a passo:

A explicação abaixo considera a utilização de apenas uma linha:

- O primeiro passo informa como chegar ao ponto de embarque e onde fica localizado. Se houver necessidade de caminhar até o ponto, é informada a distância aproximada em metros a ser percorrida a pé entre o local de origem e o ponto de embarque.

- O segundo passo informa o nome e número da linha na qual o usuário deve embarcar.

- O terceiro passo informa o ponto de desembarque.

- O quarto passo informa como chegar ao destino desejado. Se houver necessidade de caminhar, é informada a distância aproximada em metros a ser percorrida entre o ponto de desembarque e o local de destino.
Programação dos filmes em cartaz