Boa noite!           Quinta 02/12/2021   04:24
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Saúde > Secretaria de Saúde reforça a importância da vacinação contra o HPV
Secretaria de Saúde reforça a importância da vacinação contra o HPV
Pasta buscará apoio da Secretaria de Educação para conscientizar pais e alunos

27/06/2017 - 18:19 - Reforçando as estratégias de imunização contra o HPV (Papiloma Vírus Humano), a Secretária de Saúde se uniu à Educação para buscar ações de divulgação e conscientização para mobilizar os pais a levarem os filhos para se vacinar. A campanha de atualização do esquema vacinal começou na última dia 19 e vai até o dia 21 de julho em todo o Estado. No sábado (24.06) ocorreu o Dia D da ação, com nove unidades de saúde aplicando, além da vacina contra o HPV, a meningocócica e a febre amarela.

O objetivo da campanha é oferecer ao adolescente a chance de se proteger contra várias doenças, e eles deverão levar a caderneta ao posto de vacinação para ser analisada pelos profissionais de saúde. A análise da caderneta de vacinação é importante porque o calendário do Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde sofreu modificações este ano, com a inclusão das vacinas HPV Quadrivalente para meninos de 11 a 14 anos e da vacina Meningocócica C para adolescentes de ambos os sexos, com idades entre 12 e 13 anos. 
 
“Vamos buscar apoio junto à Educação para podermos realizar reuniões junto aos diretores e professores das escolas, também junto aos pais dos alunos para que haja esse processo de conscientização da importância da vacina que é preventiva. Vale ressaltar que a caderneta é um documento que deve ser guardado por toda a vida, então o adolescente, além de levar o documento de identificação, precisa apresentar a caderneta para ver se esquema de imunização está completo”, orienta o secretário de Saúde, Silmar Fortes.
 
A imunização contra o HPV pode ajudar na prevenção ao câncer do colo de útero, pênis, ânus e garganta. Atualmente há 671 meninas e 668 meninos protegidos contra o vírus no município, mas a estimativa é que 18 mil sejam vacinados. Preocupado com a baixa adesão do público-alvo, o Secretário de Educação se comprometeu a mobilizar as equipes a divulgarem a campanha nas unidades escolares.
 
“Essa é uma conquista importante para a população, principalmente para os adolescentes. A prevenção deve começar desde cedo, então além de enfatizarmos a importância da vacinação junto aos professores e diretores, nós pedimos aos pais que levem os filhos e participe da campanha”, alerta Anderson Juliano.
 
A campanha contra o HPV foi adotada em todo o Estado do Rio de Janeiro pelo SUS, e posteriormente por outros estados e pelo Ministério da Saúde, após a publicação da lei 6.060/11 de autoria então deputado estadual, hoje prefeito, Bernardo Rossi.O pediatra e infectologista, Felipe Moliterno destacou a importância da distribuição da vacina pelo Sistema Único de Saúde. 

“Ter as doses disponíveis no SUS é uma grande vitória, pois essa vacina foi muito batalhada pelas sociedades médicas e de imunização para que ela fosse ofertada pelo SUS. A vacina é oferecida nesta faixa etária por garantir uma melhor imunização”, assegura o especialista.
 
 A vacina segue disponível em 14 unidades de saúde diariamente de 9h às 17h - com intervalo de 1h de almoço. Devem ser vacinados: meninas dos 9 aos 14 anos e os meninos dos 11 anos aos 14 anos, em ambos os casos,  o esquema vacinal prevê a aplicação de duas doses, com um intervalo mínimo de seis meses e máximo de 12 meses entre a primeira e a segunda dose.
 
Lista dos postos de Saúde e demais locais de vacinação:
*Atendimento de 8h às 17h – Com intervalo de 1 hora de almoço 
1.    Instituto da Mulher (antigo Centro de Saúde)
Rua Santos Dumont, S/Nº
 
2.    PSF Alto da Serra
Rua Teresa, 2.024 (Praça Miguel Couto)
 
3.    PSF São Sebastião
Rua São Sebastião nº 625
 
4.    UBS Alto Independência
Rua Ângelo João Brand s/n
 
5.    UBS Quitandinha
Rua General Rondon nº 400
 
6.    UBS Retiro
Av. Barão do Rio Branco s/n 
 
7.    Ambulatório Escola
Rua Bernardo Proença nº 32
 
8.    UBS Itamarati
Rua HívioNaliato nº 169 
 
9.    Hospital Alcides Carneiro
Rua Vigário Corrêa, 1.345
 
10. UBS Morin
Rua Pedro Ivo, n.º 81 – Morin
 
11. UBS Itaipava
Estrada Philúvio Cerqueira Rodrigues s/n
 
12. UBS Pedro do Rio
Estrada União e Indústria s/n
 
13. PSF Posse
Estrada União de Indústria nº 33.530
 
14.  Coordenação Epidemiologia
Hospital Municipal Nelson de Sá Earp - Rua Paulino Afonso, 455.
Programação dos filmes em cartaz