Bom dia!           Quinta 20/02/2020   11:29
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Meio Ambiente > Governo e Sociedade Civil Debaterão Políticas Públicas para O Bem-Estar Animal
Governo e Sociedade Civil Debaterão Políticas Públicas para O Bem-Estar Animal
18/05/2016 - 18:06 - A Prefeitura, por meio da Coordenadoria de Bem-Estar Animal, promove nesta quinta-feira (19/5) uma reunião com representantes da sociedade civil organizada para apresentar os avanços nas políticas públicas voltadas para a proteção e o bem-estar dos animais. Durante o encontro, que será realizado a partir de 17h30, na Casa dos Conselhos Augusto Ângelo Zanatta, ao lado da sede da Prefeitura, no Centro, a coordenadoria também irá apresentar o trabalho desenvolvido desde sua criação, em julho de 2014.
 
“O nosso objetivo é mostrar todo o trabalho que já foi realizado e ampliar ainda mais o diálogo. Tenho certeza de que, com a ajuda das pessoas que estão envolvidas na questão do bem-estar animal, conseguiremos avançar ainda mais”, afirmou a coordenadora de Bem-Estar Animal, Rosana Portugal.
 
Durante o encontro, o governo municipal irá anunciar a criação do Conselho Municipal de Proteção Animal. “Com este instrumento, iremos fomentar ainda mais o debate com a sociedade civil. Estamos sempre abertos ao diálogo. É importante discutir, debater, ouvir idéias. Não há como falar em avanço de políticas públicas sem falar em diálogo entre o poder público e a sociedade”, destacou Rosana Portugal.
 
Entre as ações em prol do bem-estar animal promovidas pela atual gestão, desde 2013, estão a transformação do Núcleo de Bem-Estar Animal, vinculado à Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, em Coordenadoria. A medida resultou em mudanças estruturais, que garantiram um número maior de técnicos e gestão informatizada.
 
Além disso, Petrópolis ganhou o Curral de Apreensão de Grandes Animais (o único curral público do Estado do Rio), que hoje serve de modelo inclusive para outros municípios. Com o curral, o município garantiu a rastreabilidade dos animais, com microchipagem e ações em conjunto a Defesa Agropecuária do Estado.

A Prefeitura também extinguiu, após constatação de maus tratos a animais, as atividades de passeio em bodinhos, na Praça da Liberdade, e em cavalos, no Quitandinha e em Nogueira. “Trabalhamos para garantir a proteção dos animais. De forma alguma poderíamos compactuar com o que encontramos, então decidimos acabar com as atividades de passeio nestes locais. Jamais seremos coniventes com maus tratos a animais”, garantiu. 
 
Outras ações desenvolvidas no período foram as feiras de adoção e o castramóvel. “Fizemos um trabalho para microchipar os cães e gatos que passaram pelo castramóvel, ação realizada pela Coordenadoria de Vigilância Sanitária, vinculada à Secretaria de Saúde, o que permite, hoje, a identificação do seu proprietário”, explicou Rosana. A microchipagem também foi realizada com os animais das vitórias. “Este é um trabalho contínuo. Já fizemos muito, mas não temos dúvidas de que ainda há muito a fazer. É importante que as pessoas conheçam o trabalho que desenvolvemos para que possamos discutir novas idéias e propostas”, finalizou a coordenadora de Bem-Estar Animal.
Programação dos filmes em cartaz