Boa noite!           Segunda 16/09/2019   19:54
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home > Palestras e Workshops > O Laboratório Nacional de Computação Científica convida para exibição do Documentário ‘GEO 2 BI RORAIMA TEPUI’ e palestra no dia 05 de dezembro às 15h00 no Auditório do LNCC.
O Laboratório Nacional de Computação Científica convida para exibição do Documentário ‘GEO 2 BI RORAIMA TEPUI’ e palestra no dia 05 de dezembro às 15h00 no Auditório do LNCC.
01/12/2014 - 09:43 - Biólogo e cineasta, Ricardo Braun, PhD em ciência ambiental, trabalha com questões relacionadas ao meio ambiente há mais de 30 anos. Estudou na Escola de Belas Artes da UFRJ e participou de diversas expedições de estudos e filmagens na Amazônia, África e Escócia. Atualmente, é pesquisados senior da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) e professor do MBA em Construções Sustentáveis do INBEC / UNICID, além de coordenar o projeto ‘Olhar da Natureza’, sobre filmagem educativa de ecossistemas e ambientes sociais nativos. Geo 2 Bi Roraima Tepui foi desenvolvido entre 2013 e 2014, durante a segunda expedição ao Monte Roraima.

1. Sinopse

O filme ‘Geo 2 Bi Roraima Tepui’ é o segundo documentário do diretor Ricardo Braun sobre o Monte Roraima. Neste filme Ricardo mescla belas e exclusivas imagens com depoimentos de pessoas que estiveram no Tepui em expedições diferentes: a expedição de pesquisa do DNPM/MME do geólogo Oscar Braun em 1972, a expedição do economista e pesquisador em educação, Claudio de Moura Castro em 2003, e a expedição da orientadora educacional e praticante do Budismo, Ana Luiza Berredo em 2012.

As entrevistas revelam a emoção, o deslumbramento e a aventura de experimentar a paisagem ancestral formando uma ponte com o imaginário Mundo Perdido descrito no livro de Sir Arthur Conan Doyle em 1912.

A beleza da paisagem e os detalhes do Roraima são mostrados através das lentes de Ricardo Braun como elementos incomuns e inspiradores.  A formação do Roraima tem aproximadamente dois bilhões de anos, fazendo parte do mega continente chamado ‘Gondwana’, que unia a África a América do Sul, bem antes de qualquer ser vivo habitar o nosso planeta. Sua formação sedimentar permitiu forte erosão ao longo de milhares de anos pelas intempéries (chuva, ventos e as variações climáticas), escavando verdadeiras ‘esculturas’ em sua superfície onde aloja uma flora endêmica típica do Tepui. A paisagem do Roraima atualmente é a mesma de quatro milhões de anos atrás, ou seja, pouco se mudou desde então.

O Roraima é conhecido também como Madre de todas las aguas…, e a música ‘água’, composta pelo Grupo Uakti, se molda ao templo sagrado do Roraima.

Inscrições: eventos@lncc.br ou pelos telefones: 2233-6101 ou 2233-3245

EVENTO GRATUITO

Programação dos filmes em cartaz